Tóquio: tradição e modernidade surpreendem visitantes

Em julho deste ano Tóquio, no Japão, terá muito o que relembrar. Em 1964, a capital japonesa se preparava para receber a primeira Olimpíada realizada na Ásia. Hoje, 56 anos depois, a metrópole voltará a sediar mais uma edição dos Jogos Olímpicos e se tornará, até o momento, a única cidade asiática a acolher por duas vezes o maior evento esportivo do mundo.


O legado Olímpico deixado pelos Jogos de 1964, a propósito, é o grande diferencial desta edição, que será realizada de 24 de julho a 9 de agosto de 2020. Muitas das construções utilizadas naquele ano serão reaproveitadas para a prática dos esportes em 2020. Em paralelo, outras, completamente novas foram construídas para o evento.


Por conta dessa mescla, entre passado e presente, as instalações olímpicas ficarão concentradas em duas áreas distintas de Tóquio, chamadas de Heritage Zone e Bay Zone. Ambas, vistas de cima, sob a perspectiva de um mapa, formam o símbolo do infinito e reforçam um conceito sustentável empregado pela 32ª edição dos jogos.


Copyright: Tokyo 2020 official website.


Boa parte dos complexos olímpicos estão espalhadas nessas duas grandes áreas da cidade sede. A primeira, mais ao norte, é conhecida como “Zona do Legado” por ser o local em que as estruturas feitas em 1964 se encontram. O Ginásio Nacional de Yoyogi, icônico projeto arquitetônico que mescla a tradicional arquitetura japonesa com a estética modernista ocidental, e um dos templos mais importantes do Judô no mundo, o Nippon Budokan, com capacidade para 11 mil pessoas, são bons exemplos disso.


Já ao sul, a “Tokyo Bay Zone”, é a área destinada para as novas construções realizadas. Uma das principais obras que tem tudo para se tornar um símbolo desta edição é o Ariake Gymnastics Stadium, arena que será utilizada nas modalidades de ginástica e bocha. É a construção com maior e mais pesado teto de madeira do mundo, com o peso aproximado de 200 toneladas. Já a Musashino Sports Plaza, foi a primeira obra a ser inaugurada, em dezembro de 2017, e será o palco do badminton e disputas de esgrima e do pentatlo moderno.


A estrutura da atual edição conta com 43 locais, 25 já existentes e que passam por adaptação para as competições e 18 totalmente novos, sendo 10 apenas para uso temporário.


O Estádio Olímpico é a obra mais imponente para os Jogos de 2020. É onde será realizada a abertura e encerramento dos Jogos, além de ser palco principal de modalidades como futebol e atletismo. A reconstrução do estádio custou aproximadamente 5 bilhões de reais e sua conclusão foi em novembro de 2019, oito meses antes do início da grande abertura.

Com capacidade para até 68 mil pessoas, o novo Estádio Olímpico foi utilizado pela primeira vez recentemente, no dia 1º de janeiro de 2020, em evento-teste, na decisão da 99ª edição da Copa do Imperador, tradicional torneio de clubes do Japão. O novo projeto também apresenta pista de atletismo de nove tipos, telões, wi-fi de última geração, melhorias consideráveis no quesito acessibilidade e a plantação de mais de 50 mil árvores dentro da área do estádio.



Contrastes pela cidade

Atração à parte, as peculiaridades de alguns dos principais bairros da cidade, encantam e intrigam todos os tipos dos turistas. Asakusa, por exemplo, é considerado um dos pontos turísticos mais tradicionais do país, onde se localiza o Templo Sensoji, sendo o mais antigo e tradicional na cidade. Em contrapartida, o bairro de Ginza transpira modernidade. Comparado muitas vezes com a Quinta Avenida de Nova Iorque, é o retrato de uma Tóquio contemporânea, com diversas lojas e edifícios de alto padrão espalhados pelas ruas.


Mas talvez a zona mais cobiçada da cidade seja em Shibuya, local que marca as principais tendências que ditam as novidades e moda do país. Conhecida por sua vida noturna movimentada, possui um dos cartões postais mais conhecidos de todo Japão, o famoso cruzamento de Shibuya, onde uma maré humana atravessa cada vez que o sinal se fecha para os automóveis, fazendo assim uma das passagens mais transitadas do mundo.


Faça parte da festa você também

O público brasileiro ainda pode participar das Olimpíadas! Para saber mais sobre os pacotes comercializados pela Quickly Travel, uma das três sub-distribuidoras oficiais da Match Hospitality AG para a revenda autorizada de ingressos a residentes no Brasil, clique aqui ou fale com um dos nossos representantes pelo (11) 2938-4200 ou pelo e-mail: tokyo@quicklytravel.com.br.

38 views

QUICKLY TRAVEL
 

Matriz São Paulo
Av. Paulista, Nº 37 CJ 72
Paraíso - 01311-000
São Paulo - SP
Telefone: 55 (11) 2198-8588
quickly@quicklytravel.com.br

Filial Rio de Janeiro
Praia de Botafogo, 228 (Edifício Argentina)
16º Andar – Sala 1620
Botafogo - 22.250-906
Rio de Janeiro - RJ
Telefone: 55 (21) 3736-3638
Celular: 55 (21) 99044-0364
marisa.fukuda@quicklytravel.com.br rio@quicklytravel.com.br

CONCIERGE


Matriz São Paulo
Av. Paulista, Nº 37 CJ 72
Paraíso - 01311-000
São Paulo - SP
Telefone: 55 (11) 2198-8588
quickly@quicklytravel.com.br

Filial Manaus
Rua: Belo Horizonte, 19
Sala 612
Adrianópolis - 69057-060
Manaus - AM
Telefone: 55 (92) 3622-2790
concierge@quickly-group.com.br

SIGA-NOS

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon

CERTIFICAÇÕES