top of page

Canadá manterá exigência do uso de máscara em voos

20/04/2022


Decisão ocorre após EUA retirar uso obrigatório de máscaras em transportes públicos (Foto: AdobeStock)


O governo do Canadá anunciou nesta terça-feira (20) que não deve parar exigir o uso de máscaras em aeronaves. A decisão foi anunciada logo após a Administração de Segurança de Transportes (TSA) do país vizinho, os Estados Unidos, anunciar que deixaria de exigir máscaras em aeroportos e aeronaves, seguindo uma decisão da juíza de Tampa, que acabou com esta obrigação.


De acordo com um porta-voz do governo canadense, as máscaras serão exigidas nas companhias aéreas canadenses e nos voos que partem ou chegam ao Canadá. "Estamos adotando uma abordagem em camadas para manter os viajantes seguro, e as máscaras continuam sendo uma ferramenta incrivelmente útil em nosso arsenal contra a Covid-19", escreveu um porta-voz do Ministro dos Transportes do Canadá.


O governo federal também exige que os viajantes usem máscaras e rastreiam contatos próximos por 14 dias após a chegada ao Canadá.


Pesquisas mostraram que o uso de proteção facial é amplamente popular no Canadá. Na semana passada, um conselho escolar de Ottawa introduziu seu próprio mandato de máscara depois que a província retirou a exigência. Em uma carta aos pais, o conselho disse que os alunos não serão suspensos ou expulsos por não conformidade, mas seus pais podem ser chamados ao colégio.


REVIRAVOLTA NOS EUA - O presidente Joe Biden disse nessa terça-feira (20) que poderia apelar da decisão da juíza de Tampa, que acabou com esta obrigação, caso as autoridades públicas, como o Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC), considerem necessário conter a propagação da Covid-19. O CDC, por sua vez, continua estudando se os mandatos, que acabariam originalmente no dia 3 de maio, ainda são necessários.


*Com informações do Skift

0 comentário
bottom of page